• RESENHA: BB Cream Clareador Latika

    Venho hoje mostrar meu BB Cream nacional favorito de todos os tempos: O BB Cream Clareador Latika com FPS 44 da marca Latika.

    Conheci a marca surfando a internet e resolvi testar, porque achei o preço super acessível, além de gostar do fato de ser uma marca brasileira e sou super a favor de incentivar empresas nacionais.

    BB Cream Clareador Latika

    Segundo o fabricante:

    • Clareamento de Manchas (whitening)
    • FPS 15
    • Hidrata
    • Prepara
    •  Acabamento natural
    • Controla a oleosidade
    • Textura leve
    • Camufla imperfeições

    “O BB Cream da Latika é a combinação perfeita entre maquiagem, tratamento cosmético e proteção da pele!

    A fórmula multifuncional do BB Cream Latika hidrata, prepara, aperfeiçoa, controla a oleosidade e protege a pele, deixando-a muito mais bonita. A proteção UVA/UVB ajuda a manter a pele sadia e jovem enquanto o Arbutin atua uniformizando e clareando a pele do rosto. O BB Cream Latika foi desenvolvido como um produto perfeito para uso diário, pois possui textura leve, cremosa, e permite fácil aplicação, oferecendo ampla cobertura e deixando um acabamento natural e luminoso, excelente para o dia-a-dia.

    Arbutin
    Possui propriedade de clarear e uniformizar o tom da pele. Ele inibe a ação da enzima Tirosinase que sintetiza a melanina. Além de deixá-la linda, o BB Cream trata sua pele com muito carinho.

    Oil Free
    Nossa formulação atende à todos os tipos de pele. Mas o fato de ser oil-free garante boa cobertura e textura bem leve, proporcionando naturalidade à pele.

    Ação Hidratante
    Previne o ressecamento da pele, bem como o excesso de olesidade. Essencial nos cuidados diários.

    Filtro Solar – Fator de Proteção 15
    O filtro solar protege sua pele da radiação ultravioleta do sol, diminuindo riscos do câncer de pele e também retarda o envelhecimento da pele. FPS 15 e filtro solar com UVA 5 e UVB 44.”

    rsz_1bb_cream_latika
    Antes X Depois

    Uso a cor Bege Claro que fica um tico mais escura do que eu gostaria, sou mais fã de bases/BBs que me deixam com a aparencia branca (tipo Mortícia Addams HAHAHA), mas eu relevo esse ponto porque gosto muito do aspecto do BB na pele. Ele espalha super fácil, seca rápido e deixa a pele com aspecto seco, não fica matte, mas também não fica com aspecto brilhoso, sabem?

    Como podem ver (perdoem minha cara de tonga), a cobertura é média, cobre bem minhas espinhas e manchas vermelhas, mas não fica 100% escondido. A durabilidade é boa também, passo de manhã e fica o dia inteiro. Só sai nas partes que passo muito a mão como no nariz e ao redor da boca ou quando minha pele tá descascando por conta dos tratamentos pra acne que faço.

    Vocês encontram o BB Cream no site oficial da loja por R$59,00 (preço promocional).

    Gostaram meninas? Me contem nos cometários quais outros BB Creams vocês gostam!

    ;***

    Maquiagem Filtro Veado Snapchat

    Halloween tá chegando, e a idéia de uma maquiagem filtro veado Snapchat parece ótima, né?

    Esse tutorial tá concorrendo no concurso GlamStar da Glambox, e conto com vocês pra votação!

    Maquiagem Filtro Veado Snapchat

    Todos os produtos usados são da Vult, você consegue encontrar com facilidade em muitas farmácias e lojas de cosméticos e dá pra substituir com o que você tem em casa. Também dá pra usar tinta pra pintura de rosto, fica a critério de vocês.

    Tutorial da make:


    Lista de prrodutos: Primer HD, Base matte bege 01, Pancake Branco e Amarelo, Lápis preto, Delineador líquido, lápis para sobrancelha, rímel super lashes, batom líquido matte 11.

    Pras orelhinhas:
    orel

    Você vai precisar de:

    • Tecido felpudo branco e marrom
    • Cola de silicone
    • Tiara
    • Canetão preto

    Esse tecido felpudo vende em lojas de tecidos e custa R$5,00 30 cm de largura e 1,5m de comprimento. Se conseguir comprar apenas retalho, melhor!

    Recorte as orelhas em formado de um triângulo com as pontas arredondadas, cole com a cola de silicon(R$4,00) e e junte as extremidades para fazer o formato de orelha. Usei uma daquelas tiaras de gatinho (R$8,00) pois elas já têm um arame pra dar sustentação, então só enfiei a orelhinha no suporte e ficou show! As pontinhas pretas eu pintei com um canetão preto que tinha dando bobeira aqui em casa.

    Maquiagem Filtro Veado Snapchat

     

    Pra votar basta ir clicando nos desafios e escolher o meu!
    http://bit.ly/GlamStarGleici

    Ganhando a competição GlamStar, o prêmio é de R$100.000,00, vou doar 70% desse valor para ONGs que ajudam mulheres em situação de vulnerabilidade e ONGs de animais. Ainda não tenho a lista definida das organizações por estou aguardando o retorno de algumas.

    É isso!

    Obrigada!

    Resenha Éh! Cabelo Seco Nem Pensar

    Hoje é dia de sentar e chorar com a Resenha Éh! Cabelo Seco Nem Pensar. Sabe quando você deposita esperança num tratamento e só encontra decepção? Pois é!

    A embalagem é bonitinha, o propósito é incrível e o cheiro maravilhoso, mas fica só nisso.

    Resenha Éh! Cabelo Seco Nem Pensar

    Segundo o fabricante:

    “Cabelos saudáveis e hidratados! Sua cabeleira profundamente hidratada, com menos danos e frizz, além de selas as cutículas. Fios ressecados e esquecidos? Saia já dessa seca! Com óleo de macadâmia poderosíssimo, nutre e hidrata os fios como você nunca viu! E quinoa, que deixa os fios limpos extracondicionados para matar qualquer inimiga de inveja!”

    Acho bem legal ser sem sal, livre de sulfato e parabenos. Outra coisa a citar é a facilidade de se encontrar a marca, pois aqui em Brasília a gente vê em várias farmácias e perfumarias.

    Adquiri a linha pela indicação de cabelos ressecados, já que o meu vive em função de óleo e reparadores e o clima da minha cidade é insuportavelmente seco.

    img_9836

    Quando apliquei o shampoo (uso a quantidade da foto acima), estranhei o fato dele ser tão adstringente no meu cabelo. Shampoos hidratantes geralmente têm uma limpeza mais suave, né? Enfim.

    img_9840

    A máscara é bem consistente, bem mesmo. É difícil de espalhar no cabelo porque ela não é emoliente. Você gasta o triplo de máscara pra reverter o efeito no shampoo e ainda assim não garante uma maciez no cabelo.

    Péssimo.

    O cabelo continua áspero, absorve mal a máscara e fica ressecado após o processo.

    Contei tudo em vídeo, vem ver:

    Infelizmente a nota é baixa. Recomendo só pra quem tem cabelo oleoso pelo preço mesmo: O shampoo gira em torno de R$13,00 e a Máscara R$20,00.

    E aí? Dei azar com a marca ou vocês conhecem alguma coisa boa pra poder indicar? Conta tudo aí pra gente!

    Resenha Cavalo Forte Haskell

    Hoje é dia de Resenha Cavalo Forte Haskell!  No dia 21 de Agosto Campo Grande Ms teve uma paisagem mais bonita: foi realizado o primeiro encontro de ruivas do estado onde muitas ruivas pintadas, naturais (mais escassas), laranjas, vermelhas, acobreadas, compareceram para fazer amizades e trocar experiências e nesse lindo encontro ganhei no sorteio o kit.

    Já tinha ouvido falar muito bem sobre a máscara por isso fiquei super feliz de poder testar o produto e vou contar minhas impressões para vocês.

    Resenha Cavalo Forte Haskell
    Shampoo, Condicionador, Máscara e Leave-in da linha Cavalo Forte Haskell

    O kit contém o Shampoo, o Condicionador, a Máscara e o Leave-In. O Shampoo e o Leave-In são proibidos nas técnicas Sem Shampoo (duh) e Pouco Shampoo (Low e Noo Poo), pois contém sulfatos fortes e parafina líquida respectivamente, mas a máscara e o condicionador são liberados para Pouco Shampoo somente, ok?

    Resenha Cavalo Forte Haskel
    Da esquerda pra direita, cima para baixo: Shampoo, Condicionador, Máscara e Leave-in.

    O shampoo é MA-RA, divo, lindo, de longe o shampoo mais bonito que já vi. Parace glitter dourado que você passa no cabelo, acho muito legal. Ele rende bastante e faz bastante espuma, limpando bem os cabelos. Passei a máscara e deixei 15 minutos sem touca, durante o banho, enquanto raspava as pernas, esfoliava a pele e demais cuidados que levam mais tempo (sempre aproveito esses cuidados para passar máscara no cabelo, acho um saco ter que tomar dois banhos num período menor que uma hora).

    Enxaguei a máscara e passei o condicionador, deixando uns 3 minutos pra fazer efeito. Lembrando meninas que pros produtos fazerem efeitos é necessário remover o excesso de água do cabelo, tanto pra máscara quanto pro condicionador, ok?

     

     Cavalo Forte Haskell antes e depois
    Antes X Depois

    Passei o leave-in, mas bem tico dele porque meu cabelo pesa fácil por ser liso e fino e não gosto da sensação que fica quando tem muito produto nele. No geral achei a máscara boa, ela dei um brilho, leveza e  maciez boa para meus cabelos que estavam opacos e emabaraçando muito (descuidei nessas últimas semanas por conta da vida ocupada e meu cabelo sentiu falta das máscaras).

    O shampoo e o leave-in são produtos dispensáveis pra mim, apesar do glitter divo, porque pratico Pouco Shampo e meu cabelo se adaptou bem à técnica. A máscara é ótima e está definitivamente inclusa na minha etapa R do cronograma.

    Na Sombra X No Sol
    Na Sombra X No Sol

    E vocês meninas já testaram os produtos da linha? Alguém usou para crescimento? O que acharam deles?

    ;**

    Tinha corpo de mulher, mas não era uma

    Menina Moça desde os 15 enche a boca pra dizer que não acredita no amor. Uma paixão atrás da outra, todas platônicas. Por pressão das amigas, beijava um cara por ano. Um beijo e um adeus. Sonhava com o futuro brilhante e não ia perder seu tempo com os meninos da escola.

    Era uma adolescente normal, cheia de neuras, nem feia e nem bonita. Uma baixinha de quadril largo e peitos grandes. Menina Moça chamava atenção por onde passava. Não ligava se as bobagens que falava ou se a falta de timidez fazia com que pensassem que sua experiência sexual era maior que a das amigas mais recatadas.

    Aos 17 estava na faculdade. Sentia-se adulta realizando seu sonho. Estudava na cidade vizinha onde conhecia nada além da faculdade e a casa da tia onde ficava hospedada. Logo no primeiro semestre fez novas amigas. Todo final de semana saia. Beijou mais meninos em uma noite que no ensino médio todo.

    Ouvia das amigas que precisava esquecer os meninos e conhecer um homem de verdade. Foi apresentada a um. Moreno, cheiroso e mais velho. Trocaram telefones e dessa vez não saiu com as meninas. Querendo impressionar, ele e os amigos, acabou perdendo a hora de voltar.

    Menina Moça se viu, em algum lugar da cidade, deitada em uma cama de solteiro em um pequeno cômodo de paredes azuis. Ouviu pela primeira vez o clichê “não vou fazer nada que você não queira”. Quase adormecia quando o homem virou lobo.mina

    Uma mão prendia seus pulsos enquanto a outra era usada para se livrar das calças. Menina Moça estava assustada e gritava que era virgem. Chorava enquanto o lobo forçava a penetração e dizia que ela era uma menina de festa e certamente ele não era o primeiro. Menina Moça sentiu seu corpo, sua alma e seus sonhos rasgarem. Chorando silenciosamente, esperou até o primeiro raio de sol enquanto o lobo dormia ao seu lado. Pleno.

    Na tentativa de limpar sua alma, muito mais do que seu corpo, Menina Moça foi para o banho. Na volta viu o lobo tirando o lençol manchado de sangue. Triste e envergonhada pediu se assim ele acreditava que tinha sido o primeiro. Foi chamada de mentirosa. Ouviu ameça de que ele mexeria em sua na bolsa pra encontrar absorventes. Quanto mais conversam mais sua alma doía. Calada decidiu sair dali quando o lobo voltou a ser homem. Dizia que queria vê-la novamente e que estava apaixonado. Como resposta, nenhuma palavra, apenas lágrimas.

    Apesar da vergonha, muito mais por não saber se os líquidos que saiam de seu corpo eram dela ou dele, comprou a pílula do dia seguinte. Sozinha aguentou os efeitos dos hormônios e as dores do corpo e da alma que o homem causou.

    Menina Moça tinha corpo de mulher, mas não era uma. Ela, que enchia boca falando que não acreditava no amor, por um tempo não falava mais nada. Matou seus sonhos e morreu por alguns anos.

    Depois dos 20, reagiu. Começou a acreditar no amor e sozinha se fez mulher. Decidiu que nunca mais veria paredes azuis como aquelas e que ninguém mais a faria se sentir suja e minúscula. Perdeu a virgindade novamente, com homem e mulher.

    Hoje, Menina Moça enche a boca pra dizer que o amor existe sim, mas primeiro é preciso se aceitar. Amor próprio é o melhor remédio e, assim como o tempo, cura tudo.